Exame de corpo de delito não apontou lesão em partes íntimas de Najila Trindade

Exame de corpo de delito não apontou lesão em partes íntimas de Najila Trindade
Modelo Najila Trindade que acusa Neymar de estupro (Foto: Reprodução/Instagram)

No dia 31 de maio, a jovem Najila Trindade registrou boletim de ocorrência contra o jogador Neymar o acusando de estupro. Como parte do procedimento em casos de estupro, a mulher de 26 anos foi encaminhada para fazer exames de corpo de delito, com a finalidade de averiguar se ouve alguma lesão na moça. O laudo do exame não apontou lesões nas partes íntimas de Najila Trindade e já é de conhecimento da Polícia Civil.

Na última quara-feira (5), veio a público um vídeo em que mostra a jovem Najila Trindade agredindo Neymar com tapas. Na ocasião o jogador apenas pedia calma para a moça. Em relação ao resultado do laudo, o único machucado apontado pelo exame foi em um dedo da jovem, Najila Trindade. As informações foram divulgadas pelo site UOL Esporte nesta sexta-feira (7).

O advogado da mulher que acusa Neymar, Danilo Garcia de Andrade, alegou em entrevista coletiva que todas as provas periciais estão incluídas no sigilo da investigação. O advogado não comentou sobre o resultado do laudo, mas justificou que estava tomando ciência do inquérito naquele exato momento.

Vale ressaltar que o resultado do laudo da polícia científica não é igual ao laudo privado que a mulher tinha feito antes. O laudo privado foi confeccionado por um médico gastroenterologista que atende em consultório no Hospital Albert Einstein. O exame privado foi feito no dia 21 de maio e o resultado apontou lesões nas coxas e nádegas da jovem. Vale ressaltar também que a jovem não passou por exames ginecologistas de acordo com o laudo privado.

De acordo com informações apuradas pelo site UOL Esporte, o médico que foi responsável por realizar o exame privado na jovem confirmou que ouve as lesões, no entanto, ele afirmou que as fotos anexadas não foram tiradas por ele. O médico prestou depoimento na última quinta-feira na 6ª delegacia de Defesa da Mulher.

O advogado de Najila afirmou que a jovem está sofrendo consequências por causa do suposto estupro. De acordo com o advogado da jovem, ela está perdendo peso, chorando muito e não consegue dormir direito.

Fonte: UOL Esporte

Leonardo França

Leonardo França

Formado em Administração pela UFCG e especialista em Marketing Digital pela Unopar.