Mileide Mihaile, ex de Wesley Safadão, perde processo e pagará indenização de R$ 63 mil para ex-babá do filho

Em caso de supostas humilhações contra babá, Mileide Mihaile perde processo, mas cabe recurso

Mileide Mihaile, ex de Wesley Safadão, perde processo e pagará indenização de R$ 63 mil para ex-babá do filho
Mileide Mihaile (Foto: Reprodução/Instagram)

A influencer Mileide Mihaile virou um dos principais assuntos nessa semana por causa de uma decisão da justiça ao seu desfavor. De acordo com a colunista Fabíola Reipert, no Balanço Geral SP, da Record TV, Mileide terá que pagar uma indenização para a ex-babá do seu filho, Yhudy Lima, Claryce Silva.

O processo foi aberto por conta de possíveis humilhações de Mileide para com a então babá do seu filho. Sendo assim, Mileide Mihaile terá que pagar R$ 63 mil de indenização depois da decisão do juiz, mas cabe recurso.

A jornalista também divulgou dois vídeos que comprovariam as supostas humilhações. No primeiro deles, Mileide surge reclamando dos serviços da babá. Já no segundo vídeo, ela fala sobre o sumiço de um relógio e chega a chamar a babá de “ingrata”.

Por ter uma quantidade grande de seguidores ou fãs, Mileide Mihaile não sofreu tanto ‘cancelamento’. Isso porque, alguns internautas ficaram do seu lado, enquanto outros concordaram com a decisão da justiça.

Mileide Mihaile defende o filho

Em dezembro de 2020, foi a vez de Yhudy Lima ser citado em uma polêmica, embora seja ainda uma criança. Yhudy, assim como os seus irmãos por parte de pai, usaram a mesma roupa no natal do ano citado. Porém, o assunto gerou comentários nas redes sociais e sobrou críticas para os pais deles, Thyane e o cantor Wesley Safadão.

Quem não gostou nada disso foi a influencer Mileide Mihaile. Por isso, ela gravou stories em que defende o filho das ofensas depois da circulação das imagens.

“Por favor, eu sei que isso não é querer bem pra mim, muito menos pro meu filho. Isso é só querendo lacrar, querendo uma resposta minha, tal essa que vocês não terão pra lacrar na internet, colocar fogo onde não precisa. Eu desejo que todas as crianças do mundo sejam amadas, que tenham a quantidade de amor, de brinquedos que o meu filho tem. Parem que o final de ano existe muita coisa bacana pra gente falar, ajudar um ao outro no lugar de tá pontuando algo tão pequeno.”

Leonardo França

Leonardo França

Formado em Administração pela UFCG e especialista em Marketing Digital pela Unopar.